Vai deixar saudade!

A cidade já está de braços abertos aguardando o carnaval. Nesse clima pré-carnavalesco, Imperatriz Leopoldinense, Beija-Flor e Unidos da Tijuca fizeram suas últimas apresentações nos ensaios técnicos na Marquês de Sapucaí, já testando o equipamento de som que será usado no dia do desfile. Mais uma vez, o Sambódromo esteve lotado para acompanhar os ensaios, comprovando que o evento já faz parte do calendário do verão do Rio, levando milhares de cariocas e turistas para cair na folia.

A Imperatriz abriu a noite e mostrou a mesma energia positiva do primeiro ensaio. A contagiante alegria dos componentes foi o forte da passagem da escola pela avenida. Mais uma vez o primeiro casal de ms e pb veio com a fantasia do ano passado para marcar a coreografia e mostraram novamente uma apresentação segura e arrancou aplausos da torcida da escola, que marcou presença no ensaio. A animação foi espontanea, mas o canto foi muito cobrado pelo pessoal da harmonia, que foi correspondido com muita garra por parte dos componentes. A bateria de Mestre Marcone, que está buscando mais uma vez ter todas as notas 10, como no ano passado, começou acelerada e quando entrou de vez na avenida levou o samba numa cadência sensacional que deu liberdade aos componentes e segurança aos ritimistas para desenvolver as bossas e paradinhas programadas pro desfile.

Nos últimos ensaios, o público pôde ver o que poderá ser uma disputa diferente entre as candidatas ao título: quem será o rôlo-compressor da avenida em 2011?  Nessa temporada Unidos da Tijuca e Beija-Flor foram apontadas como as escolas que melhor desenvolveram os quesitos harmonia e evolução com apresentações históricas de muita alegria e muita vontade de levar o título do carnaval pra casa.

A Beija-Flor, que encerrou os ensaios de sábado, fez mais uma apresentação de muita técnica de todos os segmentos, mas com uma evolução bastante firme. O destaque fica sem dúvida para a novidade de se integrar as apresentações da comissão de frente com o casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira. Fato inédito até o momento que pode ser plasticamente muito bem feito e pode ajudar a segurar o andamento da escola para que fique mais compacta. Outro lance de mestre foi levar quase todo o contingente da escola pro desfile. Cerca de 3 mil componentes passaram pela avenida e pode-se ver o retorno maciço de alas coreografadas totalmente integradas ao enredo em homenagem ao rei Roberto Carlos.

A campeã Unidos da Tijuca fez o ensaio final, com teste de luz e som no domingo e deu mais um show. Assim como a Beija-Flor, a Tijuca levou quase todos os componentes para o ensaio e fizeram sua apresentação em ritmo de desfile oficial, já com tudo marcado para a grande hora. A comissão de frente do ano passado abriu o desfile, não dando nenhuma pista do que será levado para o dia do desfile, mas o grande destaque da escola foi outro: o canto dos componentes. Não houve em nenhum momento qualquer falha de harmonia durante a passagem da escola. Todos os componentes cantaram forte e agitaram os braços no refrão, o que deu a impressão do que pode ser um grande momento do desfile no domingo de carnaval.

A passarela fica em silêncio apenas mais alguns dias e na sexta-feira os olhos do mundo inteiro se voltarão para o Rio de Janeiro para mais um carnaval de alegria e de muita emoção.

Anúncios
  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: